Follow by Email

segunda-feira, 6 de maio de 2013

Poesia publicada no livro "Versos Repletos na Noite Vazia" - Junho de 2013


  
 Núbia Cavalcanti dos Santos
Sanharó / PE

Noite de solidão

Andando pelas ruas desertas
Sem saber qual destino seguir
Senti a solidão minha alma invadir
Enquanto a lua no céu surgia
Anunciando o final do dia.
O vento soprava suavemente
Agitando as folhas das palmeiras
Enquanto um sabiá laranjeira
Cantava alegremente
No galho da gameleira.
Veio uma imensa melancolia
E tomou conta do meu ser
Ferindo o meu coração
Cansado de tanto sofrer
As dores de uma paixão.
E na noite calma e fria
Eu segui sem direção
À procura da felicidade
Que fugiu do meu coração
Deixando em seu lugar a saudade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário