Follow by Email

quarta-feira, 6 de novembro de 2013

Poesia publicada no livro "Eu sei que vou te amar" - Edição Especial.

 Núbia Cavalcanti dos Santos 
Sanharó / PE
Quisera eu, meu amor...
Quisera eu, meu amor
Transformar esse teu amor leviano
Que só me causa dor
Em um sentimento verdadeiro
Para que eu possa me entregar por inteiro
Libertando-me desse amor insano
Razão de todo o meu sofrimento.

Quisera eu, meu amor
Cessar esse pranto que dos meus olhos jorram
Com a mesma força das águas que transbordam
No leito de um rio turbulento
Inundando minh’ alma em desalento
Que recusa-se a esquecer essa paixão
Que corrói o meu amargurado coração.

Quisera eu, meu amor
Encontrar a fórmula da felicidade
Para não mais ter que chorar de saudade
Quando a solidão minh’alma invadir
Cada vez que você partir
Porque eu sei que sempre vou te amar
Por toda a eternidade, eu vou te amar!

Nenhum comentário:

Postar um comentário