Follow by Email

domingo, 22 de dezembro de 2013

Antologia de Poetas Brasileiros Contemporâneos - volume 108.


 Núbia Cavalcanti dos Santos
Sanharó / PE
Sem peso e sem medida

Amo-te na distância
Que nos separa dolorosamente
Mas, a distância não tem importância
Porque amo-te imensamente.

Amo-te simplesmente
Sem motivo e sem razão
Porque amo-te livremente
Com toda a força do meu coração.

Amo-te verdadeiramente
Sem procurar explicações
Sem analisar minhas razões
Que fluem impulsivamente.

Amo-te cada dia mais
Sem pesar a quantidade
Sem medir a intensidade
Apenas amo-te cada vez mais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário