Follow by Email

segunda-feira, 23 de abril de 2012

Poesia publicada na Antologia de Poetas Brasileiros Contemporâneos - Vol. 89 - Maio de 2012



Núbia Cavalcanti dos Santos
Sanharó / PE

O amor

Ah! O amor...
Esse estranho sentimento
Que chega, não importa se de repente
Ou se chega bem de mansinho
Tomando conta do nosso pensamento
Fazendo o coração pulsar fortemente
E a alma extravasar de alegria
Em perfeita sintonia
Sempre que o amor aparece.

Ah! O amor...
Queria eu ter o poder supremo
De manter sempre acesa
A incessante chama da paixão
Mesmo nas noites frias de inverno
E jamais perder a pureza
Desse sentimento extremo
Que do meu peito se apossou
Tomando conta do meu coração.

Ah! O amor...
Algumas vezes, nos dá asas
E voamos até o céu;
Outras vezes, nos algema
Tornando-nos sua escrava
E, mesmo assim, ignoramos a razão
E seguimos a voz do coração
Passando a viver um dilema
Sempre que o amor nos envolve.

Nenhum comentário:

Postar um comentário