Follow by Email

sábado, 15 de fevereiro de 2014

Poesias Encantadas - IV.

AMOR INSANO.

Hoje, eu quero gritar...
Quero essa dor extravasar
E todo o meu pranto derramar
Para não mais lamentar
Esse insano amor
Que dentro do meu peito
Entrou e se apossou
Sem ter nenhum direito.

Hoje, eu quero gritar...
E, para o mundo inteiro
Eu quero declarar
Que tu foste meu amor primeiro
E, talvez, o derradeiro
Pois só trouxeste dor
Para este coração sofredor
Que só quis te dar amor.

Hoje, eu quero gritar...
Quero chorar meu desengano
Até adormecer ao relento
Sob o azul do firmamento
E, na manhã seguinte, despertar
Imaginar que tudo foi engano
E que um novo amor há de chegar
E, em meu coração, desabrochará.

Nenhum comentário:

Postar um comentário